Andréa Sales na África do Sul, muitas Aventuras e Destinos

Convidamos a arquiteta Andréa Sales para nos contar um pouco de sua aventura na África do Sul, repleta de natureza e momentos inesquecíveis.

Muito além dos Estados Unidos ou dos muitos países da Europa, a África do Sul tem sido um local cada vez mais procurado pelos viajantes que adoram se aventurar por aí para conhecer novos destinos interessantes. E essa foi a escolha da arquiteta Andréa Sales que pode desfrutar de dias inesquecíveis, em meio a animais selvagens, aventura, luxo e diversão em uma só viagem. Uma curiosidade do país é o fato de possuir três capitais: Pretória (Executiva), Bloemfontein (Judiciária) e Cidade do Cabo (Legislativa), a mais populosa e principal núcleo urbano, industrial, comercial e cultural.

As paisagens são um show à parte no destino, que conta com programações para todo tipo de turista, dos mais aventureiros aos mais tranquilos.

A África do Sul é um país miscigenado e acolhedor, com diversos pontos turísticos e atrativos para os mais diversos públicos. Conhecido pelas paisagens deslumbrantes e fauna inigualável, é claro que não poderíamos deixar de citar o Kruger National Park, rota mais procurada para os tão famosos safáris, e a Casa dos Big Five (os cinco grandiosos – leão, elefante, búfalo, leopardo e rinoceronte). Milhares de espécies e pássaros, além de seis diferentes ecossistemas, o parque é uma das mais diversificadas reservas animais do mundo, sendo também o maior e um dos mais antigos do país. “Fiquei hospedada no Kapama River Lodge, dentro da Reserva Natural Kapama, que oferece uma extensão de terra imaculada para atravessar enquanto se observa a vida selvagem”, conta Andreia.

O lugar guarda tantas surpresas que é impossível não querer voltar. Uma delas se chama Chapman’s Peak Drive, uma das estradas mais bonitas do mundo. Com pouco mais de oito quilômetros de extensão e localizada a mais de 500 metros acima do nível do mar, a rodovia faz a ligação entre Hout Bay e o distrito de Noordhoek. É uma via de mão dupla, estreita, muito sinuosa e, literalmente, na beira do abismo, tanto que a circulação de ônibus é proibida na via que está ao lado do mar, pelo risco de queda. “Dirigir por lá foi uma das experiências mais marcantes da viagem. Indico muito fazer este caminho para quem estiver indo de Cape Town em direção a Cape Point e ao Cabo da Boa Esperança”, comenta. Deixando um pouco de lado a parte “aventura”, as grandes metrópoles da África do Sul também possuem opções imperdíveis. Uma dica da arquiteta é um grande complexo, localizado junto à zona portuária da Cidade do Cabo, chamado V&A Waterfront, considerado a atração turística mais visitada do país, uma grande área que reúne restaurantes, cafés, hotéis, condomínios fechados, prédios comerciais, shopping center, marina, estaleiro, lojas, museus, mercado de artesanatos e muito mais. Já o mirante Signal Hill, na região central, é um dos melhores locais para se observar o pôr do sol na Cidade. Um lugar simplesmente inesquecível.


Por ter sido sede da Copa do Mundo de Futebol em 2010, a África do Sul agora conta com estádios monumentais em meio às paisagens, como o Green Point, na Cidade do Cabo.


Os safáris não podem ficar de fora do roteiro de quem vai à África do Sul. O Kruger National Park é um dos mais procurados pelos turistas que querem ver, de pertinho, os Big Five – os cinco grandiosos da selva – leão, elefante, búfalo, leopardo e rinoceronte.

Diversidade é a Palavra de Ordem

Montanhas, selvas, natureza, esportes radicais, paisagens deslumbrantes, rotas de vinho, praias e muita diversidade. A África do Sul une, em um só local, destinos para os mais diversos tipos de viajantes, com atrativos que vão te deixar de surpresos com tanta beleza.

HISTÓRIA

ROBBEN ISLAND. Considerada Patrimônio Mundial pela UNESCO desde 1997, Robben Island é uma ilha que durante séculos serviu como local de isolamento, banimento e prisão, onde vários personagens históricos e líderes africanos foram encarcerados, como o ex-presidente Nelson Mandela. Agora, funciona basicamente como museu, sendo uma das atrações mais visitadas da Cidade do Cabo.

CABO DA BOA ESPERANÇA. Antes chamado de “Cabo das Tormentas”, outro ponto turístico é o “Cabo da Boa Esperança”, caminho feito por Vasco da Gama em 1498, que abriu uma nova rota de comércio entre a Europa, costa da África, Índia e Extremo Oriente. O ponto onde os oceanos Índico e Atlântico se encontram fica a 50 km da Cidade do Cabo, no Parque Nacional da Península do Cabo e possui uma beleza natural que impressiona pessoas de todas as partes do mundo.

HOSPEDAGEM

NATUREZA. O impressionante e requintado Resort Kapama River Lodge está localizado no meio da selva e oferece uma experiência inesquecível a seus visitantes, com pensão completa e dois passeios diários – um matinal e um vespertino – levando os hóspedes em uma expedição para tentar rastrear os famosos cinco grandes animais africanos. O hotel ainda proporciona excursões a pé, passeios de balão de ar quente, passeios de elefante e, para os que buscam desfrutar de momentos de relax entre tantas aventuras, um luxuoso spa.

NA CIDADE. O Hotel Boutique 2inn1 Kensington está situado na tranquila e prestigiada área residencial da Cidade do Cabo. O local combina uma casa vitoriana autenticamente, elegante remodelado e um bangalô de design moderno, recebendo os hóspedes como se estivessem em sua própria casa, com um staff hospitaleiro e educado, além de quartos com um espírito africano moderno. Uma harmoniosa fusão de natureza e vida da cidade.

0
Total Page Visits: 172 - Today Page Visits: 1

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *