Pegada Boêmia

POR LUCILA MENDONÇA

Tijolos aparentes e madeiras cruas são os principais elementos visuais deste projeto desenvolvido por Lucila Mendonça. Mas as cores vivas também dão o ar da graça, deixando o apartamento de praia leve e descontraído.

A porta de entrada é uma composição de vários tipos de madeira de demolição, antecipando a essência simples e antenada do projeto. O grande móvel que separa a cozinha do estar foi revestido de espelho, que aumenta o espaço e duplica a visão da área externa. As cadeiras são de dois modelos diferentes, dando a impressão de que foram garimpadas por aí. Elas foram pintadas nos tons que predominam na paleta do projeto.

O jovem casal chegou ao escritório de Lucila Mendonça cheio de ideias para o novo apartamento, localizado na praia. Revistas, fotografias de viagens e outras referências foram o ponto de partida para o projeto, que concilia os vários desejos em um layout prático, que aproveita todo o potencial dos 60m² disponíveis. Tudo começou pela ideia de ter uma casa com paredes de tijolos aparentes, que trazem uma imediata atmosfera de simplicidade contemporânea. Esta foi uma das poucas alterações que o apartamento sofreu em relação aos acabamentos originais. Os tijolos estão presentes em todos os ambientes sociais e foram lavados de branco, para ficarem mais suaves e interagirem com os toques de cor. Turquesa, verde água, amarelo e outros tons estão presentes nos móveis de madeira pinus pintados, nos tecidos estampados e com ares handmade, além das molduras das várias fotografias – memórias das muitas viagens divertidas. O estilo despojado também vem bem representado nas soluções simples, que esbanjam versatilidade, quase com um ar de “do it yourself” (faça você mesmo). A disposição dos quadros é casual e o aparador fica sobre um cavalete e um caixote de madeira – parecido com os utilizados em feiras – que abriga a mini-adega. Uma parede serve como lousa de recados e as banquetas e pufes na sala funcionam como mesinhas ou viram lugares extra para receber amigos. O resultado é descomplicado e super aconchegante, com detalhes que expressam todo o carinho que a família tem por seu novo refúgio de descanso, na praia.

Os móveis foram executados em madeira pinus (César Marcenaria), com acabamento em pintura lavada. A composição de fotografias na parede deixa o clima ainda mais casual na sala, que se prolonga naturalmente até a varanda.


A parede lateral virou uma lousa para receitas e recados.


Na cozinha, o grafismo confere modernidade no revestimento acima da pia. A suíte do casal, por sua vez, é toda branca, com a simplicidade das paredes e da testeira em madeira de demolição, que segue a essência simples e despojada da composição. Réguas de madeira (Casa 7) patinadas em branco e água trazem o frescor litorâneo para o espaço.

0
Total Page Visits: 83 - Today Page Visits: 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *