CasaCor Ceará 2014

A maior mostra de arquitetura, decoração e paisagismo das Américas chega à sua 16ª edição no Ceará, lançando novos e inventivos olhares para as peculiaridades de nosso estado.

Living. O ambiente assinado por Dora São Bernardo foi pensado para ser um salão palaciano para a atualidade, seguindo uma linguagem renascentista, contemporânea e requintada. Os traços suntuosos surgem em elementos arquitetônicos, como molduras, colunas, frontões e nichos, revestidos em MDF pintado em branco, que ganham a beleza de detalhes artísticos sobrepostos e pintados à mão em dourado. O piso também reforça o caráter nobre do projeto, em pedra quartzito, que emoldura o tapete em granito woodstone. As cores em branco, cinza e dourado, inclusive na tela de autoria da própria arquiteta, reforçam o caráter glamouroso do projeto. O espaço promove, ainda, um belo encontro entre passado e futuro com referências de diversos estilos e épocas, como o painel com placas de espelho em formas geométricas – com jogos de profundidade e amplitude – e a mesa de centro em pedra, duas alusões ao art déco que se associam ao mobiliário contemporâneo. A iluminação em trilhos permite mobilidade nos focos de luz, conferindo novos sentidos à ambientação, enquanto o majestoso lustre em cristais entra como grand finale.

Fornecedores: Espaço Casa, Granos, Le Spec e Paroma.


Lavabo. O espaço ganhou ares de hall com as escolhas requintadas de Rosalinda Pinheiro, transformando um simples lavabo em um ambiente luxuoso, intimista, inovador e funcional. O lugar do vaso ficou reservado por uma divisória em corian, com base para apoio de carregador de celular ou tablet e papeleira embutida. Os materiais e a paleta de cores reforçam a elegância, com paredes e tetos revestidos por papel dourado e piso em mármore preto absoluto, ladeado por pastilhado do mesmo material. A cuba, no mesmo tom, é sustentada por um aparador que tem como base uma escultura do artista plástico Ascal e bancada em vidro. Outros detalhes inusitados fazem a diferença neste lavabo especial, como a poltrona com estofado de pele, a tela com leopardo de Roberto Cavalli e os espelhos posicionados de forma estratégica para dar maior profundidade ao local.

Fornecedores: LPM by Santelmo, LM Decorações de Interiores, Candela, Vidropex e Ascal.


Composições atemporais para um estilo de vida luxuoso.


Home Cinema. O espaço assinado por Danielle Valente Lopes foi concebido para proporcionar conforto, aconchego e funcionalidade na hora de curtir os amigos ou estar em família. A atmosfera acolhedora é reforçada pelos painéis madeirados em tons escuros que revestem a parede do sofá e o teto rebaixado – uma estratégia que, além de potencializar o aconchego, escondeu as vigas existentes. A paleta de cores neutras e elegantes é quebrada pelo orquídea da tela e o azul das almofadas, trazendo uma dinâmica discreta, enquanto peças de design e objetos metalizados dão um toque de sofisticação. Para arrematar, os nichos iluminados expõem a coleção de muranos e obras de arte que personalizam o ambiente.

Fornecedores: Le Spec, Spazio, Home, La Lampe, Multipolipedras, LM Decoração de Interiores, Habitat, Adroaldo Tapetes do Mundo, Césio Junior Design e José Guedes.


Saleta da Escada com Circulação. Roberto Pamplona Jr. criou um ambiente intimista e acolhedor, logo abaixo da escada, com uma cara de cottage inglês. O espaço reduzido se agiganta com o pé-direito monumental, valorizado por uma escada em madeira semi-helicoidal e escultórica que reina absoluta – um elemento do passado incorporado ao ambiente com um toque de irreverência e ironia. O piso ganha padronagem geométrica e as paredes são revestidas por papel xadrez, enriquecidas pelas telas coloridas de cãezinhos apaixonantes. O espaço ganha continuidade no corredor de circulação, finalizado por um british home office em uma releitura fresh e colorida, em tons pastéis de menta e rosa seco, num ambiente repleto de memórias e vibrações otimistas.

Fornecedores: Rônega&Continuitá, Bete Cunha Tapetes, Bete Cunha Interiores, Paroma e os artistas Vando Figuerêdo, Cláudio César e Francisco Zanazanan.


Sala de Estar. Para compor esse ambiente com elegância e um toque de descontração, Marcellus Caracas e Odete Aragão fizeram uso de um mix sofisticado de materiais e uma paleta de cores sóbrias, conferindo originalidade ao projeto. As paredes se vestem em madeira, chabisco e efeito tridimensional, com relevo em formas circulares, reafirmando a estética irreverente e acolhedora do décor. O sofá em tom petróleo ultramarine, as cortinas berinjela e as telas coloridas trazem cor à ambientação, sem comprometer a essência sóbria e elegante do espaço. Móveis contemporâneos, clássicos atualizados, tapete de aspecto desgastado e a rusticidade da mesa de centro em madeira maciça revelam a bem-sucedida mescla de estilos desse estar, pensado para receber os visitantes da Casa Cor Ceará de maneira surpreendente.

Fornecedores: Mill Móveis, Bete Cunha Tapetes, Candela, Vetromani, Silestone by Cosentino e Agatek.


Materiais e texturas inusitados dialogam em harmonia nesse estar elegante e convidativo.


Hall do Elevador. A ideia foi transformar o ambiente em um espaço acolhedor e luxuoso por meio de uma proposta conceitual de apelo parisiense. Dando vazão à criatividade, Sandra Mourão seguiu a temática animal e se inspirou na sedução dos gatos. A parede é vestida por pele sintética e o piso recebe um tapete felpudo, aguçando o lado sensorial e potencializando o aconchego, enquanto o grande painel em tecido com a imagem do felino surpreende de imediato na passagem. Para arrematar com glamour e ousadia, o magnífico lustre emite som cada vez que alguém entra, com possibilidade de mudanças de intensidade de luz, gerando novos efeitos.


Despensa Gourmet. O ambiente foi idealizado por Lívia Nogueira para um jovem que aprecia cozinha gourmet e desejava uma despensa para organizar melhor os ingredientes, além de um local para criar novas receitas. A arquiteta se inspirou no estilo italiano de construção, utilizando o tradicional tijolo veneziano com uma pegada retrô atualizada. A composição instigante se revela com a união dos estilos vintage e industrial, com placas cimentícias no piso e em paredes, gaveteiro de ferro colorido como apoio, cestas de palha e caixas, além de quadros sobre a parede de tijolos, personalizando de forma despojada o ambiente. A bancada em mármore branca acompanhada da cadeira, desenhada especialmente para o projeto, assegura o recanto dedicado aos momentos de criação de novas receitas deste chef jovem e inventivo.

Fornecedores: Desconexo Design.


Bar e Sala de Jogos. Júlio Mesquita projetou um espaço atrativo e cheio de bossa para se curtir bons momentos com os amigos com todo o conforto e a descontração de uma sala de jogos com bar. O arquiteto seguiu uma estética moderna e despojada, fazendo uso de materiais atuais, linhas retas e muito design. A atmosfera intimista e acolhedora é reforçada pelos tons escuros da ambientação, dinamizada por revestimentos diferenciados, telas coloridas e peças inusitadas que funcionam como elementos surpresa da decoração, em referência ao universo da bebida e de jogos. O layout bem resolvido garante a praticidade na hora da diversão, regado a um bom drinque, num ambiente espontâneo e repleto de vida.

Fornecedores: Adroaldo Tapetes do Mundo, Desconexo Design, La Vinci, Portobello Shop e Silestone by Cosentino.


Materiais atuais, peças de design e outros elementos surpresa garantem a diversão em um espaço irreverente e descontraído.


A CasaCor Ceará chega à sua 16ª edição lançando um olhar mais aprofundado para as belezas de nosso Estado. Com o tema “Um Novo Olhar para o Ceará”, a mostra revelou 35 ambientes assinados por 49 profissionais que trouxeram interpretações peculiares sobre a Terra da Luz, em leituras diversas e sempre atraentes. A sede deste ano foi uma casa datada do início da década de 1950, construída para abrigar a família do empresário Danilo Pinto, localizada em plena Av. Barão de Studart, em frente ao histórico Palácio da Abolição. Ali, no período de 31 de outubro a 10 de dezembro de 2014, os visitantes tiveram a oportunidade de se deleitar com o melhor da arquitetura de interiores, apreciar as novas tendências e as diversas soluções criativas e sustentáveis para o mundo da decoração. O evento também destacou artistas e artesões cearenses através de projetos embriões, que evidenciam primordialmente seus trabalhos e aproximam o público da produção local, além de homenagear personalidades, como o empresário Beto Studart e o pesquisador Miguel Ângelo de Azevedo, o Nirez. A área externa ainda reservou boas surpresas nas áreas de entretenimento e gastronomia, bem como um paisagismo com belos jardins que transformaram a visitação numa experiência prazerosa, em que foi possível contemplar as várias possibilidades de bem viver, graças ao rico universo da arquitetura e do design.


Sala de Jantar. O ambiente expressa o olhar perspicaz de Camila Vale e Marcelo Dellago para o Ceará. A arquiteta e o designer buscaram expressar o regionalismo do Estado por meio de múltiplas linguagens. Para isso, imaginaram uma personagem cearense que já andou pelos quatro cantos do mundo e trouxe para o seu lar elementos e materiais que refletem as singularidades de sua terra natal. O piso entrançado em parquet, em dois tons de madeira, remete às cestarias dos índios de sua região, enquanto os painéis de madeira ganham papéis de fibra natural de cortiça, lembrando a rugosidade do solo do Ceará. Elementos de arte e design se destacam com o mesmo propósito, como as luminárias Etch Shade, de Tom Dixon, que lembram o sol da Terra da Luz, e a obra da fotógrafa cearense Luciana Otoch, artista cearense que vive no mundo, mas sempre sabe voltar o olhar para as belezas de sua terra natal.

Fornecedores: Ailec, Candela, La Vinci e Le Spec.


Cozinha e Sala de Almoço. A concepção do projeto era criar um ambiente para os amantes da alta gastronomia, onde pudessem cozinhar e receber os amigos ao mesmo tempo, em uma atmosfera aconchegante e convidativa. Naiana Lima e Priscilla Ximenes elaboraram uma pequena sala de almoço integrada à cozinha gourmet, delimitadas por pisos e materiais diferentes, mas unidas visualmente por elementos que se prolongam nos dois espaços. Aconchego, tecnologia e um toque de descontração, aliados a uma iluminação de efeito, garantem os melhores momentos.

Fornecedores: Rádica Madeiras Especiais, Rônega&Continuitá, Ouvidor Interiores, Ouvidor Tecidos, Multipolipedras, Agatek, La Lampe, Studio Vip e New Temp.


Galeria do Colecionador (Homenagem ao Nirez). O desafio do projeto era transformar um lugar de circulação de 6m² em um espaço que despertasse a curiosidade do público em conhecer a história do homenageado e, ao mesmo tempo, trouxesse aconchego para que as pessoas sentissem vontade de permanecer. Por isso, Kel Oliveira usou elementos e artifícios inusitados para atrair a atenção dos visitantes. No teto, a luminária Disco, assinada pela designer, é uma referência aos discos de cera e vinil – paixão do colecionador. Outro destaque é o revestimento tridimensional da parede executado em gesso, inspirado no trançado de palhas das cestarias de nosso artesanato, também criação da profissional especialmente para a mostra. Outros detalhes especiais – como o trecho de música que se inicia na parede e vai até o teto, as fotografias cedidas por Nirez, emolduradas com madeiras recicladas da construção civil, e as peças originais do acervo do historiador, espalhadas em todo o espaço – atiçam a curiosidade e conferem um toque exclusivo ao ambiente.

Fornecedores: Agatek, Bete Cunha Interiores, Empório Choça, Ouvidor Interiores e Paroma.


Studio do Ciclista. Antenado com a tendência do movimento byke-friendly, Ramiro Mendes projetou este ambiente para um homem de negócios que tem como hobby pedalar, tem interesse pela mobilidade urbana, é amante da natureza e não abre mão do bom design, das artes e das viagens. O espaço foi projetado para que ele pudesse relaxar, curtir uma boa música, conferir as novidades do esporte e, claro, cuidar bem de sua bicicleta. Tudo que ele precisa para pedalar está sempre ao alcance, facilitando a rotina do executivo. Na ambientação, entram em cena móveis e revestimentos de pegada industrial, refletindo um décor urbano e, ao mesmo tempo, intimista, enquanto a paleta de cor em cinza e preto reforça a atmosfera masculina. Fotografias assinadas e peças de design finalizam o décor, valorizadas pelo belo piso em ladrilho hidráulico.

Fornecedores: Ailec, Le Spec e Ouvidor Interiores.


Uma proposta irreverente de forte personalidade.


Suíte do Rapaz. Para um jovem autêntico de espírito aventureiro, Amaury Júnior trabalhou uma suíte completa, pensada para atender a todas as necessidade de estudo, descanso e entretenimento num ambiente bem despojado, com formas geométricas, cores e materiais diversos. Para receber amigos, o quarto ganha um inusitado apoio para bar, garantindo momentos de descontração com muito conforto. Logo ao lado, o closet inova com uso de manequins em vez de cabides, destacados por ônix iluminado. O banheiro integrado ganha a ousadia dos cobogós, das pastilhas em patchwork e do painel com fotos da revista playboy, numa estética irreverente e com identidade própria. Outras referências inusitadas reforçam a jovialidade do projeto, como a parede em grafites e o painel losa com muitas hashtags escritas à mão. O espaço amplo ganha ainda mais aconchego com o uso de placas de madeira em diversos tons e com uma iluminação apropriada para cada momento especial.

Fornecedores: FF Casa, La Vinci e Renata Colchoaria.


Atmosfera envolvente e feminina que remete ao universo das artes.


Suíte da Filha. Um quarto pensado para uma jovem que acabou de sair da adolescência e está ingressando no curso de Artes Visuais e Artes Cênicas. O novo estilo de vida imersa em música, arquitetura, moda, fotografia e cultura em geral ganhou expressão no ambiente pensado por Beatriz Miranda, que buscou uma atmosfera acolhedora, elegante e autêntica em plena harmonia. A base neutra em cinza, bege e branco permitiu que elementos de destaque ganhassem vida, como os pôsteres coloridos que surgem no banheiro integrado ao quarto, atraindo imediatamente o olhar. O mobiliário em linhas retas é pontuado por peças especiais de design, que surpreendem o visitante e reafirmam o valor dado à peça, a exemplo da luminária Brave New World, da Moooi. Propostas inusitadas também surgem em ideias simples, como o biombo em couro tramado que funciona como cabeceira da cama. A sensação de aconchego fica por conta do piso em taco maciço e da iluminação indireta.

Fornecedores: Ouvidor Interiores, Candela, Renata Colchoaria, Rádica Madeiras Especiais e Ailec.


Quarto dos bebês. Para reproduzir um quarto para dois bebês, um menino e uma menina, Sophia Romcy seguiu um programa de necessidades essenciais para atender a ambos num mesmo espaço, mas preservando as particularidades de cada um, num décor tão primoroso e sofisticado. A mescla entre clássico e contemporâneo enriquece a composição, com móveis e elementos que carregam traços dos dois estilos. Para abrigar os bebês, uma casinha demarca os dois berços, onde o destaque são os nichos em formato de losangos sobre papéis de parede diferenciados – em tijolinhos e em listras – valorizados pelas molduras com entalhes. O rico enxoval, os arranjos florais, os adornos, os detalhes delicados e a iluminação de efeito garantem agradáveis surpresas num ambiente pensado para expressar amor, cuidado e aconchego.

Fornecedores: New Temp, Espaço Casa, Adroaldo Tapetes do Mundo, Multipolipedras, Carpe Diem, Le Spec e Empório Choça.


Suíte Master. Projetada pelo arquiteto Érico Monteiro, a suíte assume ares palacianos, com uma estética sofisticada e harmoniosa. Dividida em quarto, sala de banho com closet e varanda, o espaço une luxo e conforto, tecnologia e tradição. Os tons amadeirados e dourados se associam ao branco imaculado, pontuados pela elegância do preto, compondo uma ambiência elegante e envolvente. O calor da madeira envolve todo o ambiente trazendo aconchego, além de permitir que móveis e objetos de decoração ganhem o devido destaque – como a poltrona Mole, de Sergio Rodrigues, o pendente ao lado da cama em matelassê e outros detalhes requintados. Com o sistema de automação, inclusive na cama, o projeto ficou completo para encantar os visitantes.

Fornecedores: Ouvidor Tecidos, Ouvidor Interiores, Vidraçaria Paulista, Grupo LPM, Renata Decorações, Cosentino, Jardim da Cidade, Adroaldo Tapetes do Mundo e La Lampe.


O ar despojado e a essência contemporânea do projeto são reforçados por móveis que exalam brasilidade.


Sala da Família. O ambiente foi criado para reunir a família, em qualquer hora do dia, com muito conforto, beleza e praticidade. Rodrigo Maia buscou inspiração na Bossa Nova, no clima tropical e nas cidades do litoral brasileiro para ambientar o espaço de 65m², que abrigou recantos de estudo/trabalho, descanso, leitura e diversão. O branco impera, trazendo leveza ao cotidiano, enquanto a madeira natural e os tijolos trazem o aconchego necessário. A presença de paisagismo potencializa as sensações agradáveis, reforçando o frescor natural do ambiente. Para dar um toque de sofisticação, painéis em boiserie nas alvenarias, telas destacadas por iluminação em spots e peças de consagrados designers nacionais reforçam o clima de brasilidade da sala.

Fornecedores: Rádica Madeiras Especiais, Candela, Adroaldo Tapetes do Mundo, Le Spec, Ouvidor Tecidos, Singular Automações e Jardim da Cidade.


Home Pet. Eles hoje fazem parte da família e recebem todos os cuidados especiais. O projeto expressa todo o amor de seu dono ao pet, atendendo a todas as necessidades do bichinho de estimação, e não são poucas. A proposta assinada por Lia Britto reviu alguns conceitos das moradas contemporâneas para incluir nos ambientes internos das casas – e não mais nas áreas externas de jardim – um espaço original para acolher o animal como um verdadeiro integrante do núcleo familiar. O ambiente ganhou sete recantos distintos para atividades específicas, que cumprem diversas funções, como caixa de brinquedos, relax no pet spa, necessidade no pipiroom e toalete, comedouro e bebedouro no pet bar, dormitório com espaço mamãe&bebê, closet, farmácia e até um mural de fotos para registrar o desenvolvimento e as peripécias do pet. A atmosfera alegre fica por conta dos tons de amarelo e azul, que ganham destaque em nichos sobre as paredes todas brancas.

Fornecedores: La Vinci e Vetromani.


Loja Cor da Cultura. O espaço, dedicado a lançar e renovar os talentos de nosso estado, foi pensado para valorizar a arte cearense por meio do resgate da identidade local, incorporando ao ambiente referências ao artesanato da região. Para isso, as arquitetas Maria Christina Bessa e Roberta Aguiar Tomaz trouxeram materiais e objetos especiais, fazendo uso de tecidos e revestimentos que referenciam a fauna e a flora sertanejas, de elementos próprios da sabedoria popular – como a literatura de cordel e a xilogravura – e de outras peças de profissionais locais, que são os verdadeiros destaques do ambiente. O artesanato ocupa a posição de uma obra de arte, exclusiva e especialmente sofisticada, convidando a contemplar os trabalhos próprios de nossa cultura.

Fornecedores: Vidraçaria Paulista, Bete Cunha Interiores, Masotti e Jacaúna Decorações.


A Escada das Estrelas. O espaço da escada foi criado em homenagem a todos os profissionais participantes da Casa Cor Ceará 2014, com uma parede em que estão escritos os nomes de todos eles. Por isso, Érico Monteiro faz uso de uma iluminação de camarim para receber as estrelas da mostra. A base branca foi inspirada no estilo mediterrâneo, quebrada sutilmente pela presença do laranja nas telas que recebem os visitantes ao pé da escada, numa estética de leveza, harmonia e bom gosto.


Galeria de Arte. O espaço, assinado por Emília Porto e Míriam Bastos, homenageia os artistas da Sociedade Cearense de Artes Plásticas (SCAP), como Antônio Bandeira, Aldemir Martins, Barrica, Garcia Nice e outros importantes componentes. Além das obras desses grandes nomes, a galeria também conta com os trabalhos da Academia Cearense de Artes Plásticas (ACAP) e de artistas convidados, produzidos exclusivamente para a galeria com o tema Cearensidade. O ambiente foi pensado para que as pinturas, esculturas e desenhos sejam as grandes protagonistas. Os bancos Serpentina, no centro dos corredores, são um convite a parar e contemplar esse acervo único em toda a sua beleza.

Fornecedores: Paroma.


Espaço Gourmet. A prioridade de André Monte ao projetar o ambiente foi tornar a experiência de cozinhar uma atividade agradável e prazerosa, num local que estimulasse os sentidos – tal qual a atividade gastronômica. Inspirado no estilo de viver em Fortaleza, o espaço assumiu uma proposta leve e despojada, na qual elementos diferentes conferem diversas sensações. Os tons pontuais de rosa, verde, dourado e marrrom dialogam com texturas diversas e com materiais como latão, madeira, tijolos, mármore e pedras naturais em perfeito equilíbrio, sem trair a harmonia do projeto. No mobiliário, peças contemporâneas – assinadas por nomes do design nacional, como Jader Almeida e Estúdio Bola, além da cadeira inusitada de Tom Dixon, logo na entrada -, completam este ambiente pensado para ser apreciado aos poucos e sob diversos ângulos.

Fornecedores: Candela, Le Spec, Empório Choça, Bete Cunha Interiores, Rádica Revestimentos Especiais, Ailec, Portobello Shop, Agatek, Granos, Marcato e Jardim da Cidade.


Lavabos Públicos da Família. A proposta da dupla Isabelle Laporte e Lilia Freitas foi modificar a ideia de banheiro público convencional, aliando funcionalidade a sofisticação, para oferecer bem-estar aos públicos masculino, feminino e infantil, além de contar com acessibilidade para pessoas com deficiência. O lavabo é setorizado em cabines personalizadas, com a opção de fraldário, para mais conforto. O requinte se expressa em cada escolha, com piso em granito escovado, realçado pela iluminação direta e indireta com mais de 300 pontos de Fibra Óptica e cristais Swarovski. Os detalhes em xilogravura trazem um sentido regional e personalizado ao ambiente.

Fornecedores: Deca, Granos e La Vinci.


Salão de Beleza. O espaço, projetado pela Creatore Ateliê de Arquitetura, das arquitetas Laura Rios e Liana Feingold, para o salão de beleza da mostra ressalta o universo feminino, ligado à moda e ao design, por meio de cores vibrantes e formas sinuosas. O visitante é logo surpreendido pelo painel em adesivo vinílico, desenhado pela estilista Camila de Paula exclusivamente para este projeto, trazendo uma vibração especial. O mobiliário branco de traços sedutores preenche o espaço num layout original, demarcando os diferentes serviços ofertados. Os móveis são de apelo eco-friendly, com peças em estrutura de alumínio 100% reciclada, madeira certificada e couro sintético fabricado com matéria-prima sustentável. O resultado foi um projeto inusitado, que estimula a beleza em todos os sentidos.

Fornecedor: Desconexo Design.


Mercearia Cor da Cultura. Um charmoso ponto de venda para valorizar especiarias e produtos alimentícios locais. Para o espaço, Ana Palmeira Ciarlini, Geórgia Vieira, Jamile Mendes e Joanne Ximenes uniram o regionalismo do nosso estado à tradição e à inovação, além de responder aos três “R’s” do futuro, reciclar, reutilizar e reaproveitar. Esses conceitos nortearam toda concepção deste projeto, repleto de memórias afetivas e um ar de nostalgia. Não por acaso, a estrutura é de taipa e o teto é revestido de chita, colorindo o interior com tecido que faz parte da cultura cearense. Objetos antigos relembram a proposta regional junto à peças reaproveitadas, que ganham usos inusitados, como a roda usada na base do balcão. A área externa dispõe de banquinhos para contemplar o jardim e lembrar do melhor do nosso passado.

Fornecedores: Paroma.


Ateliê Criativo. O espaço abriga as coleções individuais de cada um dos dez designers participantes do projeto, encarregados de apresentar peças assinadas, exclusivas para a mostra, dentro de uma proposta de responsabilidade criativa. Para o ambiente, Prycilla Antonucci e Isabele Studart seguiram o conceito de ateliê do artista, pensado para um designer amante de belas artes, onde ele pudesse criar, expor e receber clientes e amigos. Neste ambiente intimista e acolhedor, cada escolha traduz sofisticação e bom gosto. O mix harmonioso de revestimentos e cores traz a nobreza do mármore e da madeira em diálogo com os tons escuros da paleta, como preto, marrrom e vinho. A estética atemporal se revela na mescla de peças clássicas, conceituais e modernas, ressaltando o caráter exclusivo do projeto.

Fornecedores: Adroaldo Tapetes do Mundo, Empório Choça, Galpão D, Granos, La Vinci, Le Spec, LM Decoração de Interiores.


Hall de Entrada do Edifício. A proposta de Caroline Oliveira e Maria Rosa Borges para o espaço foi trabalhar um layout que favorecesse a circulação livre, com uma ambientação atemporal, elegante e acolhedora. O espaço é vestido em tons neutros e sóbrios, enquanto diferentes revestimentos trazem um visual dinâmico, sem quebrar a harmonia. Para arrematar, magnífica tela Paradisus, de Sérgio Hele, escultura metálica na parede – uma criação da própria arquiteta, e adornos requintados trazem um luxo discreto ao décor, valorizados pela iluminação pontual de efeito.

Fornecedores: Galpão D e Empório Choça.


Sala do Empresário. O ambiente foi projetado por Maria José Lopes e Ticiana Lopes para homenagear o empresário Beto Studart, num espaço de múltiplas funções, que tanto responde às necessidades de um homem de negócios quanto reserva locais especiais para referenciar essa personalidade de nosso estado. Além da mesa de trabalho e da sala de reuniões, o projeto ainda contempla um pequeno ambiente de bar, com mesa redonda, para eventuais encontros com amigos, além de mais quatro recantos que destacam homenagens, com fotografias, prêmios e videos sobre seus trabalhos sociais. Na ambientação, cores sóbrias, materiais nobres e adornos sofisticados expressam elegância e atemporalidade.

Fornecedores: Galpão D, Le Spec, Agatek, Habitat, Adroaldo Tapetes do Mundo, Spazio e Paroma.


Um pedaço da paisagem nordestina se faz presente neste espaço em que o verde aflora de forma criativa.


Jardim do Nordeste. A bela vegetação nordestina foi a fonte de inspiração para a composição do jardim de Cláudia Feijó e Luciana Mota, onde as plantas são o grande destaque, trazendo sensação de frescor ao ambiente. Diversos ananás, sansevierias e cactáceas formam os canteiros de grande efeito ornamental. Na parede do sofá, os blocos pré-moldados formam nichos que abrigam a coleção de cactáceas que, junto ao jardim vertical, formam o pano de fundo ideal para um agradável ambiente de estar. A mesma linguagem ganha continuidade no espaço ao lado, com pergolado, onde destacam-se arranjos pendentes em cascos de vidros, sustentados por hastes de ananás, arrematando com originalidade essa composição de harmonia. Além do verde das próprias plantas, os móveis outdoor, em alumínio e cordas náuticas, trazem a vibração do amarelo e do laranja com alegria e ousadia, valorizados por uma luminária e um pendente, resistentes a sol e chuva, que conferem novos efeitos a essa paisagem convidativa.

Fornecedores: Candela e Tidelli In&Out.


Café das Artes. O diferencial do café assinado por Cláudia Castelo Branco e Róger Monte foi expor as obras de artistas contemporâneos cearenses de forma casual, fazendo uso de referências industriais, com linhas retas, simetrias e cores sóbrias. A fachada de traços minimalistas segue o recurso de platibandas para disfarçar o teto, e aberturas na altura do pé-direito interno, que funcionam como portas e janelas. O revestimento Matone black que lembra galpões industriais dialoga com o piso do interior, ao mesmo tempo que faz um elegante contraponto com os papéis que vestem as paredes internas, em cores claras para ressaltar as obras em exposição. Ali, o destaque são as telas, gravuras e esculturas que convidam a momentos de contemplação durante uma agradável pausa para o café.

Fornecedores: Le Spec, Galpão D, Empório Choça, Portobello Shop, Espaço Casa, Rádica Madeiras Especiais, Agatek, Ailec e Candela.


Restaurante. O ambiente expressa o olhar de Marcella Lima e Renata Cantal sobre a Terra do Sol, inspirado nas belezas naturais do Ceará no uso das cores, materiais e obras de arte. O regionalismo ganha uma leitura moderna, além de escolhas sustentáveis e práticas para um ambiente tão sofisticado quanto acolhedor. Por isso, uso de pastilhas de material reciclado e tecidos de tramas naturais dialogam com a leveza dos panos de vidro que emolduram o restaurante, permitindo uma visão privilegiada do exterior. O mix de acabamentos tridimensionais, tanto na fachada – com os traços artísticos de Aline Albuquerque de efeito tie die – quanto nas paredes internas, unidos ao trabalho de volumetria e texturas no forro, propiciam um ar aconchegante e uma dinâmica própria ao restaurante. A paginação diferenciada do piso, em mármore Calacata e porcelanato fosco no tom de concreto, foi pensada intencionalmente para setorizar as áreas e reforçar a proposta casual da composição. Mais surpresas surgem com o uso de materiais como corda, espelho, cobre e ferro fundido, além de técnicas manuais de patchwork e fuxico, numa mescla de design e artesanato bem original. O projeto encontrou a harmonia ideal, com uma estética despojada num ambiente que preza pela elegância em sua essência.

Fornecedores: Empório Choça, LM Decoração de Interiores, Paroma, Silestone by Cosentino.


Praça CASACOR. Ney Filho brincou com o concreto, o lúdico e a ironia para a produção dessa praça original, que segue o conceito de sustentabilidade e, ao mesmo tempo, desperta a curiosidade, convocando os sentidos para perceber os pontos intrigantes desse espaço ao ar livre. O ponto de partida foi aproveitar materiais existentes no local, usando as próprias formas hexagonais do piso original para trazer à superfície objetos em concreto, como sofás e bases de apoio. A frieza do cimento é quebrada pelos jardins, definidos pela própria vegetação nativa, e pela inusitada arte urbana que compõe o espaço, com a Branca de Neve e os sete anões rosas, o caminhãozinho de brinquedo pendurado ou a impressionante estátua de forma humana desproporcional e em posição impossível. São referências diversas e muitas surpresas, refletindo a inovação e a criatividade que permeiam toda a Casa Cor Ceará 2014.

Fornecedor: Ouvidor Interiores.


Vila da Criança. A brinquedoteca assinada por Ney Filho e Raquel Pontes segue os conceitos de simplicidade e sustentabilidade para recriar uma atmosfera lúdica e convidativa. O espaço se utiliza de elementos reaproveitados e foi dividido em dois ambientes, um fechado e um aberto. O primeiro tem estrutura de container, adaptado para receber brinquedos e abrigar o espaço da Fundação Demócrito Rocha, com livros infantis. A área externa ganha os brinquedos da Veco e o painel da artista Juliana Araripe, garantindo a diversão da meninada. A presença de paisagismo com vegetação nativa finaliza e traz mais frescor ao projeto que referencia o universo infantil.

Fornecedores: Ouvidor Interiores, e Adroaldo Tapetes do Mundo


Estar Urbano. Reconfigurar espaços públicos para estimular a presença das pessoas nas ruas, contribuindo para uma cidade cada vez mais saudável para se viver. Esses são alguns dos objetivos do projeto, inspirado no conceito de parklet, originário de São Francisco (EUA), que consiste em instalar mini praças em ambientes urbanos. O projeto, encabeçado pelas arquitetas Laura Rios e Liana Feingold, do Creatore Ateliê de Arquitetura, chegou à Casa Cor Ceará pelo segundo ano consecutivo, com um micro-oásis composto por bancos em madeira ecológica e base em alvenaria, destinado aos visitantes e a todos que circularem pelo local no período do evento. Inserido no jardim externo da sede da mostra, o espaço ganha um mobiliário básico, valorizado por arte e design num exercício de aprimoramento estético e lúdico, sem perder a funcionalidade.

Fornecedor: Habitat.


Lounge Imobiliário. O ambiente, que abriga quatro empreendimentos da Lopes Immobilis e a bilheteria da Casa Cor Ceará, foi projetado por Maria José Lopes e Ticiana Lopes com poucas paredes e muito vidro, para estar totalmente integrado aos jardins e às praças da mostra. Além do recurso de transparências, a leveza do lounge é realçada pela base neutra em tons claros. O uso de acabamentos nobres elevam o projeto, com piso em mármore crema marfil e balcão da bilheteria em silestone e espelho. Essas escolhas sofisticadas ainda ganham a companhia de outros elementos que reforçam a proposta requintada, como o lustre em cristal, as placas de espelhos em formas geométricas e os adornos que personalizam ainda mais a ambientação.

Fornecedores: Galpão D, Le Spec, Paroma e Habitat.

0
Total Page Visits: 73 - Today Page Visits: 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *