Ícones do Design Mundial

Ao longo dos últimos 20 anos, diversas peças icônicas viraram símbolos do design mundial. Para esta edição especial, fizemos uma curadoria de alguns lançamentos de cada temporada, com um olhar direcionado para itens que impactaram pela originalidade do design e materiais inovadores.


1998

POLTRONA VERMELHA. Criada em 1993, a peça idealizada pelos irmãos Campana virou sucesso mundial em 1998 ao integrar o catálogo da renomada grife Edra, e passando a ser produzida em série. A proposta inventiva de usar quase 500 metros de corda trançada à mão como estofado rendeu presença no Museum of Modern Art (MoMA), em Nova Iorque.


1999

JENETTE/TOY
Irmãos Campana/Philippe Starck

Duas cadeiras moldadas em plástico, com um toque lúdico de
artistas que prezam pela inventividade em cada projeto. A Jenette, dos Irmãos Campana, fugiu do convencional graças ao encosto feito com hastes flexíveis de PVC, permitindo total liberdade e conforto. Já a Toy, do francês Philippe Starck, apostou na composição diferenciada, que proporcionou um visual leve e, ao mesmo tempo, escultural.


2000

SOFÁ FLAP
Francesco Binfarè

Parceria do designer italiano com a Edra, o mobiliário foi lançado
em abril de 2000. A originalidade do conceito privilegiou a flexibilidade e a versatilidade para criar um sofá que pudesse desempenhar várias funções ao longo do dia. O sofisticado sistema de dobradiças possibilita seis níveis de inclinação, além de diversas composições, e se tornou um símbolo italiano do design contemporâneo.


2001

BUBBLE
Philippe Starck

Composta pela poltrona, um sofá e uma mesinha de apoio, a coleção do designer francês para a Kartell revolucionou o processo de fabricação de mobiliário. A técnica pioneira desenvolvida no projeto permitiu construir uma linha inteira de polipropileno, adotando um método totalmente industrial. A criação ganhou o importante prêmio Compasso de Ouro daquele ano.


2002

POLTRONA BANQUETE
Irmãos Campana

Outro projeto com a marca de irreverência e uma pitada de surrealismo que são característicos dos trabalhos da dupla brasileira. A cadeira é composta por diversos bichos em pelúcia, sobre uma base de lona aplicada numa estrutura de aço inoxidável. Com várias edições, cada uma feita de animais diferentes, as peças são limitadas a 150 itens assinados e datados.


2003

CORALLO
Irmãos Campana

Mais um fruto da parceria dos irmãos com a Edra, a peça é uma prova do conceito de interação total entre arte e design proposto pela dupla. A estrutura segue um arrojado processo manual para moldar de maneira irregular e, pasme, confortável um fio de arame de aço inoxidável. Um trabalho singular!


2004

LUMINÁRIA BOURGIE
Ferruccio Laviani

O mix entre o clássico e o contemporâneo marcou o desenho desse icônico abajur. O designer italiano combinou um desenho tradicional com o uso de policarbonato para compor a base e alcançar um efeito plissado na cúpula, que gera vários efeitos visuais quando aceso. A peça ainda contempla um ajuste regulável em três alturas. Em 2014, a Kartell convidou uma série de designers renomados para produzir uma edição especial de 10 anos, com novas interpretações para a peça.

2005

CADEIRA SUPERNATURAL
Ross Lovegrove

O conceito adotado por Lovegrove utilizou técnicas de última geração para criar uma peça única moldada em fibra de vidro e polipropileno. O caráter funcional e contemporâneo do projeto aliou-se perfeitamente à estética original do desenho, que privilegia a ergonomia por meio do traçado sinuoso. Prática ao extremo, a cadeira compõe o catálogo da Moroso.


2006

HORSE LAMP/ KAIMAN JACARÉ
Estúdio Front/Irmãos Campana

A fauna serviu de inspiração para essas duas peças de caráter surreal, mas que deram o que falar. As designers suecas do estúdio Front utilizaram um cavalo esculpido em laminado de PVC. Seis grandes almofadões artesanais remetem às caudas dos jacarés, podendo ser combinadas de maneira livre para formar um irreverente e confortável assento.


2007

SISTEMA MOON
Zaha Hadid

Em colaboração com a B&B Italia, a arquiteta iraquiana Zaha Hadid concebeu um sofá de aspecto puramente orgânico, que explorou as formas sinuosas esculpidas em um monolito de poliuretano, num design de pegada futurista.


2008

PANTOSH
Estúdio Lattoog

Mais um jovem clássico da produção nacional, a criação do Estúdio Lattoog usa a teoria antropofágica elaborada por Oswald de Andrade ao fazer a “fusão” de duas peças icônicas do design mundial, a cadeira Panton e a poltrona Willow. Seguindo a teoria, a Pantosh se apropria da cultura estrangeira para transformá-la de acordo com a identidade nacional. A madeira utilizada na estrutura representa bem a essência do nosso mobiliário.


2009

ANTROPÓFAGO
Pedro Paulo Franco

Uma das grandes revelações nacionais das últimas décadas, o designer Pedro Paulo Franco é o responsável pelo irreverente sofá, que faz parte da coleção da marca de sua autoria A Lot Of Brasil. Sobre uma base de madeira laqueada, uma verdadeira infinidade de cordas de escalada cumpre o papel de estofado da estrutura, proporcionando conforto à peça.


2010

MÉRIDIENNE
Dominique Petot

Parte da coleção M’Afrique, da Moroso, o sofá de desenho irregular do designer senegalês figurou como um dos destaques da marca italiana na edição 2010 do Salão do Móvel de Milão. A peça alia técnica industrial às tramas inspiradas no trabalho de artesãos africanos.


2011

NEMO
Fabio Novembre

Outra criação que rompeu as barreiras entre arte e funcionalidade foi a poltrona Nemo, criada para a Driade pelo designer Fabio Novembre. O arquiteto italiano explorou de forma escultural a expressão do rosto humano para criar uma peça capaz de se impor nos mais diversos ambientes. Uma obra de arte/mobília, em formato de máscara, produzida num monolito de polietileno.


2012

ARLEQUIM
Ferruccio Laviani

O armário do arquiteto italiano foi um dos destaques do Salão do Móvel de Milão 2012 apresentado pela Emmemobili, marca que se destaca pelos trabalhos em alta marcenaria. O móvel traz um visual ultramoderno graças ao uso do padrão triangular colorido nas portas.


2013

BIKINI ISLAND
Werner Aisslinger

Liberdade total para combinar elementos e formar os mais diversos layouts. Esse foi o conceito central do designer alemão, em colaboração para a Moroso. Bastante flexíveis, os componentes possuem funções e visual diferentes para possibilitar inúmeras composições.


2014

TWEE T / EDEN
Jack Phipps/ Boca do Lobo

O dourado marcou presença nesse ano. O pendente é um diálogo conceitual entre passado e presente. A ideia de colocar um canário dentro de uma gaiola em referência ao antigo costume de criar aves em casa. A escolha dos materiais também refletiu essa dualidade, com a lâmpada em LED recoberta por policarbonato e o passarinho feito em cerâmica trabalhada manualmente. A mesa Eden remete ao tronco de uma árvore numa versão luxuosa em dourado, feita em metal fundido e banhada a ouro.


2015

GLIDER
Ron Arad

A expressividade das cores deu o tom da escolha daquela temporada. O sofá Glider, de Ron Arad, apostou num ousado acabamento de tons de degradê e formato orgânico e confortável. O desenho curvo revela uma proposta sensual e irreverente, com estrutura em aço e estofado injetado com poliuretano retardador de chamas.


2016

RIBBON
Nika Zupanc

A cadeira já é um ícone do trabalho da designer eslovena, que revelou seu talento no Salão Satélite, em 2007. Idealizada para expressar a força feminina das ciações de Nika, a peça possui uma pegada sensual por suas formas sinuosas, graciosidade e leveza. A Ribbon é uma escolha certeira para compor cenários descontraídos.


2017

CHLOROPHILIA / UNDERCONSTRUCTION
Ross Lovegrove/Pedro Franco

O designer britânico assina a luminária que encanta pelo desenho fluído e orgânico. A peça, parte do catálogo da Artemide, é composta por elementos delicados e levemente ondulados. O ano também marcou a ampliação da linha Underconstruction, criada em 2010 com a poltrona homônima, com o lançamento do sofá elaborado com o mesmo efeito tramado, porém com tiras menores.


2018

DIZ / TORSION
Sergio Rodrigues/Mario Bellini

Criada em 2001, a poltrona do mestre Sergio Rodrigues foi um dos destaques da Mostra Be Brasil da edição deste ano, em Milão. Feita totalmente em madeira, a peça é um design icônico da produção nacional. A mesa Torsion, da Natuzzi, também foi destaque no Salão do Móvel e arrebatou olhares com sua base esculpida, com formas sinuosas, em madeira maciça, sobreposta pela leveza do tampo em vidro.

0
Total Page Visits: 409 - Today Page Visits: 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *