Dora São Bernardo e um Roteiro Imersivo pela DW Paris

Para além dos pontos turísticos que já fazem parte do imaginário popular em todo o mundo, a capital francesa também se revela um polo vanguardista de design e arte. Com exposições ocupando os mais diversos espaços, de lojas a galerias, a cidade respira a essência criativa do evento.

Um dos destinos mais visitados do mundo, Paris é um sonho para todos os turistas. Com sua forte carga histórica e monumentos icônicos, a capital francesa é um destino celebrado por seu charme e clima de glamour. No entanto, a cidade-luz também entrou em destaque no calendário internacional dos grandes eventos de design, ganhando ainda mais atrativos. A arquiteta Dora São Bernardo nos guia por um incrível roteiro para conhecer o melhor da 9ª edição da Paris Design Week, movimento que acontece em paralelo a segunda edição anual da Maison & Objet, no mês de setembro, e transforma a cidade num imenso palco de tendências, design, arte e arquitetura. “A cidade fica toda ‘vestida’ para o evento, sinalizada com bandeirinhas e placas, além da decoração de alguns espaços e instalações especiais. Você vê muita gente na rua e existe um clima de boemia, com músicos tocando ao ar livre”, relata Dora.

Concentrada em três bairros da região central – Les Halles, Le Marais e Bastille -, a mostra reúne mais de 300 expositores, espalhados por ruas, lojas, mercados e museus, adquirindo um caráter orgânico e espontâneo. Entre os destaques apontados pela arquiteta está a curadoria especial, feita pela renomada galerista Rossana Orlandi, para contar a trajetória do design italiano contemporâneo, incluindo marcas como Artemide, Seletti e Qeeboo, na famosa loja de departamento BHV Marais. A Suécia também apresentou no Institut Suedois um pouco do jeito de morar do país escandinavo, além dos processos criativo e de produção do mobiliário nórdico. Já no Museu da Arquitetura e do Patrimônio, seis décadas da história do mobiliário, entre 1960 e 2020, foram reunidas, com criações de nomes icônicos, incluindo Zaha Hadid, Alessandro Mendini, Ron Arad e os brasileiros Sergio Rodrigues, Jader Almeida e os Irmãos Campana. Dora ainda recomenda a mostra AD interiores, promovida pela revista Architectural Digest, que traçou um panorama do que há de melhor no design de interiores francês, com ambientes ousados transformando totalmente uma casa em restauração. “É um trabalho com muita arte, de forte apelo experimental e enorme riqueza de detalhes. Uma experiência quase sensorial”, explica a arquiteta. Uma viagem cultural e imersiva no universo da arquitetura e do design em uma das cidades mais cheia de encantos do mundo. “É como disse o escritor Ernest Hemingway: Paris é uma festa!”, finaliza Dora.

DICAS IMPORTANTES

PRINCIPAIS EVENTOS. Realizada desde 1995, duas vezes por ano, a Maison & Objet Paris é um dos eventos de design e decoração que reúne profissionais e marcas de renome mundial, mas também tem espaço para jovens em ascensão no mercado. Uma outra mostra que abre espaço para designers com até oito anos de carreira é a exposição Le OFF, que faz parte do calendário fixo da DW Paris. Também marca presença anual a mostra de decoração AD Interiores, com o melhor do design francês.

ONDE FICAR. “A área nas proximidades do Louvre é mais nobre, com opções de luxo, enquanto o bairro de Bastille tem uma proposta mais descolada e com preços melhores”, diz Dora.

ONDE COMER. “O segredo está em visitar duas ruas, a Montorgueil e a Mouffetard. Ambas possuem vários restaurantes, mercados, gelaterias e patisseries, com todas as delícias da culinária francesa. Tudo naquele estilo bem típico de mesinhas e bancos ocupando as calçadas”, indica a arquiteta.
CURIOSIDADE. Vale ficar atento a todas as vitrines da cidade. Mesmo lojas que não recebem exposições ou eventos fixos fazem decorações especiais para entrar no clima do evento e homenagear
a Paris Design Week.

0
Total Page Visits: 308 - Today Page Visits: 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *