CASACOR Ceará – A casa original

De volta ao formato presencial, a edição 2021 da CasaCor Ceará apresentou ao público com 21 ambientes, assinados por mais de 30 nomes do mercado local, que traduzem nossa nova relação como o morar em busca de um estilo Slow Living.

PRAÇA DO ACOLHIMENTO por Mário Wilson. A intervenção na área externa preservou as características da casa da década de 1970, criando abrigos e sombras para o visitante apreciar a bela vista contemplativa da fachada. As linhas curvas foram a principal fonte de inspiração, presentes nos pergolados, nos generosos pendentes artesanais e nas paginações do piso e do jardim. Para assegurar o conceito de sustentabilidade, o arquiteto reaproveitou sobras de piso de outros projetos da mostra e madeira de reuso.
Fornecedores: Multigran, Clean New e Tintas Coral.


O ESPAÇO DE ACOLHIMENTO PRIVILEGIOU MATERIAIS NATURAIS E A INTEGRAÇÃO AO JARDIM.


RECEPÇÃO por Gabriela Sobral. As texturas e os materiais escolhidos pela arquiteta para o cenário que dá boas-vindas aos visitantes foram todos pensados para harmonizar aos elementos já existentes no imóvel, marcada por muito concreto e parede de pedras brutas. A predominância de tons verdes e terrosos criam um clima acolhedor e se harmonizam com os materiais naturais escolhidos para móveis e complementos da ambientação, como madeira bruta, couro, linho e barro. Por não ser um ambiente de passagem, a arquiteta priorizou a fluidez do fluxo de pessoas e o conforto ambiental, tirando partido de generosos vãos de esquadrias e componentes vazados que conectam o espaço ao jardim. Fornecedores: Terra Brasilis, Agatek, Ceart, Clean New, Construtora Martins Araújo, Spot Iluminação, Galeria Danielle Araújo, White Stone Granitos e Roberto Dias.

BRASIL TROPICAL por Arthur Bonavides. Exaltar o “brasileirismo” foi o ponto de partida do paisagista na concepção do espaço, que aliou de maneira bastante equilibrada modernidade ao estilo tropical. O mobiliário outdoor de pegada rústica e os revestimentos utilizados compõem com o aconchego e a exuberância das espécies locais escolhidas, um lugar que aproxima os visitantes da nossa flora e também ressalta nossas raízes. Para arrematar, a obra de arte de Cris Cavalcante agregou um colorido marcante ao cenário. Fornecedores: Vetromani Concept/Vivarte, Clean New e Tintas Coral.

LOBBY LAR DA GENTE por Rachell Aguiar. A integração plena entre arquitetura e natureza foi o ponto de partida para a criação do ambiente, que tem como destaque o imponente cajueiro no centro do salão. O contraponto fica por conta da alvenaria em tons de cinza e do sofisticado mobiliário, resultando em uma proposta intimista, elegante e sóbria, que convida os visitantes à interagir pelo espaço enquanto confere os lançamentos da Construtora Mendonça Aguiar. A geometria entrelaçada das formas fazem alusão a obra do artista plástico Sérvulo Esmeraldo, prestigiando a arte local. Fornecedores: Amora Casa, Bete Cunha Tapetes, Cerbras, Gruska Automação/Elettromec, Spot Iluminação, Clean New e Vetromani Concept/Vivarte.

A MANUTENÇÃO DO CAJUEIRO FOI O PONTO DE PARTIDA DA AMBIENTAÇÃO DE PEGADA SUSTENTÁVEL E VOLTADA À INTERAÇÃO SOCIAL.

CASA DE PRAIA por Lucas Cunha e Natália Vale. O aconchego e o bem-estar são as principais características deste projeto, assinado pelos arquitetos do escritório View Arquitetura. A atmosfera acolhedora e envolvente foi alcançada a partir do mix equilibrado entre materiais contemporâneos e naturais, como madeira, pedra bruta, vidro e metalon, que juntos dão o tom sofisticado do ambiente. O layout aberto promove a livre circulação entre o estar e a área gourmet e favorece ao convívio. Sinônimo de conforto e atemporalidade, a madeira é protagonista, revestindo piso, teto e uma das paredes, enquanto paredes de vidro proporcionam a contemplação da parte externa. Já as estruturas metálicas no forro permitem a criação de vãos sem a necessidade de pilares, otimizando a ventilação e a iluminação naturais no espaço. Fornecedores: Bete Cunha Tapetes, Casa 7 Revestimentos, S.C.A Fortaleza, Granos, Galpão Design, Galpão Details, Terra Brasilis, Clean New e Construtora Martins Araújo.

A ILUMINAÇÃO PONTUAL EM TONS QUENTES REALÇA ELEMENTOS MARCANTES DA COMPOSIÇÃO.

“Os objetos decorativos acompanham a pegada RÚSTICA URBANA adotada para o projeto”

ESTAR – LUGAR DE REENCONTRO por Christiane Boris. Na casa da sua família, idealizada por seu pai, a arquiteta concebeu um espaço voltado aos laços convivência e de amizade. Inspirada no amor e na dedicação dos pais, a ambientação tira partido de objetos e lembranças de valor afetivo para construir uma atmosfera de celebração de vida, acolhida de pessaos queridas e reconexão com a espiritualidade. A pedra bruta e o pergolado originais do jardim de inverno foram mantidos e realçados pelo verde das plantas e a tranquilidade do som de água viva brotado da fonte. Um templo sagrado de Deus, perfeitamente integrada ao estar. Destaque para o oratório que pertenceu a bisavó da profissional. Fornecedores: Amora Casa, Bete Cunha Tapetes, Galpão Design, Granos, Ouvidor Design, Clean New, Spot Iluminação e Vetromani Concept/Vivarte.

SER ESTAR CEARÁ por Elias Petruço. Aplicando uma linguagem contemporânea à estrutura original da casa, o projeto transformou a varanda em um living aberto com diversas possibilidades de interação social. Por meio de um conceito dinâmico e atemporal, sobretudo no mobiliário arrojado, o ambiente traz um apelo emocional ao incorpororar elementos que aguçam lembranças afetuosas do nosso regionalismo e privilegiar obras de artistas locais. Assim, o visitante é convidado a passear por um recanto que inspira aconchego, tranquilidade e memórias. Fornecedores: Bete Cunha Tapetes, Bete Cunha Interiores, L’Espace por Vanna Marcelo, Granos, Galpão Design, Galpão Details e Clean New.

ESCRITÓRIO CONTEMPORÂNEO por Danielle Valente Lopes. As mudanças no cotidiano impostas pelos períodos de isolamento social foram o ponto de partida na concepção deste ambiente que estimula a concentração para pesquisa e leitura ao mesmo tempo estende o aconchego da casa ao escritório. A luz natural adentra pela integração com o jardim de inverno. A arquiteta preservou da estrutura existente os os dormentes do forro e os vitrais coloridos, que ajudam a segmentar a área de trabalho do recanto de relax de forma original. A combinação entre móveis de design nacional e o predomínio das texturas naturais, como o couro, criam um efeito despojado e atemporal. Fornecedores: Casa 7 Revestimentos, Galpão Design, Galpão Details, Ouvidor Design, Multigran, Clean New e Terra Crua.

LAVABO ASSIMÉTRICO por Sophia Valente. O lavabo de estilo contemporâneo marca a estreia da profissional na Mostra. O revestimento de seixos de pedra no tom acqua aplicado no piso e na parede principal, aliado ao acabamento madeirado, confere uma pegada natural e moderna ao cenário, além de transmitir um clima de aconchego. Destaque ainda para a bancada de geometria irregular desenhada pela arquiteta e para os rasgos que se projetam do teto em cimentício e ganham continuidade na parede amadeirada, formando uma escultura de luz, que realça as cores e texturas do espaço. Para arrematar um toque de verde das plantas e uma obra de arte solitária sobre o banco. Fornecedores: Amora Casa, Deca, Clean New e Galpão Design e Galpão Details.

ESTÂNCIA PIÚBA por Anik Mourão. Espaço que propõe uma relação entre o sertão e o mar, o projeto traz a piúba, madeira tradicionalmente utilizada na fabricação de jangadas, e o conceito de permanência das estâncias como inspiração. Outro elemento determinante na composição é a estética Wabi- Sabi (estilo japonês que valoriza a beleza das imperfeições dos materiais) para agregar uma rusticidade fora do lugar comum ao ambiente. Assim, tanto o mobiliário quanto os acabamentos preservam uma beleza natural e são realçados pela paleta de tons terrosas, texturas e aromas de “terroir” que permeia todo o espaço, favorecendo a uma atmosfera de convivência, afeto e boas sensações. Destaque também para a bancada da ilha gourmet de formas desconstruídas em blocos de pedras. A área “externa” recebeu estrutura matálica e vidro que permite a entrada da luz natural, deixando o lugar ainda mais agradável. Fornecedores: Bontempo, Ailec Mármore e Granito, Casa 7 Revestimentos, Galpão Design, Galpão Details, Clean New, Granos, Ouvidor Design e Spot Iluminação.

A ESTÉTICA WABI-SABI, ESTILO QUE VALORIZA A BELEZA DAS IMPERFEIÇÕES, AGREGA UMA RUSTICIDADE INCOMUM AO PROJETO DA ARQUITETA ANIK MOURÃO.

SALA DE JANTAR DO AMANTE DAS ARTES por Danielle Ellery e Diego
Carneiro.
As influências da arquitetura brutalista e do minimalismo foram o ponto de partida para o processo criativo do espaço, que também referencia obras de Athos Bulcão. Segmentado em dois ambientes, a sala de jantar com mesa autoral, banhada por luz natural que adentra pelo pergolado e traz vida ao jardim vertical, e o lounge bar com aparador em tronco de madeira ebanizado e poltronas de design. O projeto explorou materiais de personalidade marcante, como o concreto nas pérgolas e paredes e o mármore rajado no piso, além do clássico contraste entre branco e preto por todo o recanto, inclusive no desenho da cortina e do painel de azulejo na parede oposta. Fornecedores: Agatek, Amora Casa, Spot Iluminação, Clean New, Vetromani Concept/Vivarte e Tintas Coral.

SALA DO VINHO por Lara Correia e Nathália Rangel. Em sintonia ao
projeto original da casa que carrega histórias e elementos da década de 1970, a arquitetura moderna, com destaque para o revestimento de pedra e as brises, deu o tom da ambientação. A valorização dos padrões madeirados em tons sóbrios foi devidamente realçada pela iluminação indireta e proporcionou um recanto sofisticado e aconchegante, ideal para uma experiência social intimista e memorável. Fornecedores: Amora Casa, Bete Cunha Tapetes, Elettromec/Gruska Automação, Forma Legno, Granos, Ouvidor, Clean New e Tintas Coral.

SUÍTE NAGOYA por Afonso Tomoda. A luz natural proporcionada pela claraboia da arquitetura original da casa, juntamente com a parede estrutural de pedra, serviram de inspiração para o arquiteto na elaboração do projeto. De raízes orientais, inspiradas nas origens do profissional, a suíte é um ambiente repleto de memórias afetivas e bastante versátil, idealizada para curtir, relaxar e refletir. Daí a escolha pela cama tatame e o posicionamento do banheiro com um ofurô no centro do quarto. A madeira é a grande protagonista do décor e envolve quase todo o espaço – contemplando piso, teto, paredes e parte do mobiliário -, agregando aconchego e atemporalidade. Fornecedores: Amora Casa, Clean New , Bete Cunha, Granos, Colchilar, Ouvidor Design, Vetromani Concept/Vivarte.

CORREDOR DA ARTISTA por Claryanne Aguiar. Passagem que conecta os ambientes da casa, o ambiente respira arte e elegância de uma maneira menos formal. Variações de tons de cinza formam a base cromática que valoriza ainda mais o colorido vibrante das obras da artista plástica homenageada Cris Cavalcante. O arremate vem do teto espelhado que provoca um efeito visual singular, gerando sensação de amplitude e ainda permitindo novos ângulos de explorar o espaço. Fornecedores: RL Mármores e Granitos, Agatek, Paroma, Clean New e Tintas Coral.

SUÍTE DA LIZ por Gustavo Augusto, Lais Sampaio e René Parente. Elementos de arquitetura vernacular despertam memórias afetivas e ressaltam o compromisso do projeto em criar uma experiência sensorial diferenciada e de muita leveza. A ambientação exala uma atmosfera relaxante e resgata a história da residência com a técnica fulget aplicado na parede e no teto. Os tecidos leves, os tons de areia e o painel ripado que remete aos desenhos de uma renda se harmonizam com o tema central da mostra de “Casa Original”. Destaque ainda para o painel ilustrado pela artista Larissa Paredes, atrás da cama. Fornecedores: Amora Casa, Bete Cunha Interiores, Casa 7 Revestimentos, RL Mármore e Granito/Cosentino, Clean New e Spot Iluminação.

ACONCHEGO DA AVA por Joana Figueirêdo. Homenagem à bisneta do proprietário da casa, o ambiente valoriza a expressividade das raízes nordestinas como ponto de partida, trazendo um toque sertanejo para o cenário urbano. A paleta de cores remete à terra, às folhagens e ao céu do sertão, enquanto o piso desenvolvido pela arquiteta faz alusão às rochas da região e se harmoniza com o colorido do mural que transita entre o passado e o futuro, assinado pela artista Larissa Paredes. A paleta suave e adoçicada é quebrada pelo tom café aplicado em algumas peças de madeira, como o berço e o sofá de apoio, que agrega um clima mais contemporâneo ao décor. Para finalizar, o “céu azul” – leia-se teto – recebeu trechos de
histórias musicais nordestinas. Fornecedores: Amora Casa, Agatek, Elettromec/Gruska Automação, Forma Legno, Vetromani Concept/Vivarte, Terra Brasilis, Terra Crua, Clean New e Tintas Coral.

QUARTO DO CASAL por Diego Studart. O ambiente é marcado por uma
atmosfera intimista, com madeira em tons mais fechados e uma paleta de cores sóbrias, num conceito industrial chique. Assim, a proposta combina elementos como o cimento queimado e o metalon em acabamento dourado para um visual elegante, realçado pelo luminotécnico sob trilhos e perfis de LED. O layout integrado entre quarto, closet e varanda otimiza o espaço e cria uma atmosfera aconchegante para valorizar a convivência do casal. Fornecedores: Bete Cunha Tapetes, Colchilar, Galpão Design, Galpão Details, Granos, Clean New e Mogno Home Design.

BANHEIRO DO CASAL por Natália Boris. Neta dos proprietários da casa, a arquiteta concebeu um espaço de forte memória afetiva. Idealizado para ser um recanto de relaxamento e reflexão, o projeto aproveitou as entradas de luz natural e o jardim da estrutura original, destacando o revestimento em pedra, a sofisticação do mármore e a pegada contemporânea dos amadeirados e metais foscos. Fornecedores: Deca, Galeria Danielle Araújo, Galpão Design, Granos, Ouvidor Design, Clean New e Terra Crua.

O ESCRITÓRIO DO JOÃO por João Dias. De essência aconchegante, com pitadas de requinte e regionalismo, o escritório foi pensado como uma solução versátil tanto para trabalhar quanto aproveitar momentos de lazer. O mobiliário contemporâneo, assinado por designers do cenário nacional, ganha o contraponto, mais que original, do generoso painel executado por artesãos do grupo Barro Branco, de Majorlândia, conferindo uma identidade singular ao espaço. A paleta de cores neutras dialoga perfeitamente com a iluminação cálida pontual, texturas orgânicas e os padrões geométricos utilizados em alguns elementos da arquitetura. Fornecedores: Amora Casa, Forma Legno, Sierra Móveis Fortaleza, Clean New e White Stone Granitos.

ZARF CAFÉ por Ramiro Mendes. A partir de um generoso banco ao ar livre sob a sombra de uma frondosa tamareira que atua como atração principal do ambiente, o designer encontrou inspiração na experiência de uma viagem à Turquia para elaborar o projeto. Baseado nos costumes compartilhados entre as duas culturas, como o hábito de tomar café, o profissional escolheu o nome da taça onde a bebida é servida naquele país para batizar a cafeteria. O barro foi outro elemento importante na composição, utilizado em vasos, moringas, revestimentos e até como influência para a paleta de cores. Para contrapor, balcões e mesas em granito. A iluminação intimista se encarrega de valorizar ainda mais o aconchego do lugar. Fornecedores: Amora Casa, Granos, Gruska Automação, Ouvidor Design, Spot Iluminação e Terra Brasilis.

BAR DO CAIS por Juliana Hissa e Zaíra Mendes. Homenagem ao icônico Cais Bar, um verdadeiro marco cultural na história da cidade, o projeto das arquitetas valorizou ao máximo as raízes cearenses, com
elementos que remetem aos consagrados artistas locais e símbolos da boêmia sempre presentes no ponto de encontro. A atmosfera musical é evocada em cada detalhe da ambientação, tirando partido de imagens, fotografias, trechos de canções e pinturas espalhadas pelo cenário. A iluminação acolhedora e intimista cria o clima perfeito para um lugar de descontração e interação social, enquanto o décor contempla o contemporâneo por meio de um mobiliário de forte brasilidade e o toque dos metalizados dourados. O regionalismo é referenciado nos objetos decorativos em cerâmica, barro e texturas naturais. Assim, o ambiente que é também o bar da Cervejaria Capitosa é um recanto que consegue reunir o melhor da sofisticação e do aconchego para se reviver a experiência única de um espaço que foi sinônimo de momentos inesquecíveis. Fornecedores: Forma Legno, RL Mármore e Granito, Granos, Sierra Móveis Fortaleza, Terra Brasilis, Clean New e Vetromani Concept/Vivarte.

ESTÚDIO DE GRAVAÇÃO por – Clark Fiuza. Desenvolvido para as atividades da TV Otimista, o estúdio localizado no coração dos jardins da casa aposta no mix entre o frescor do verde e cores e texturas relacionadas à cultura regional como eixo central da proposta. A madeira ganha protagonismo na estrutura e se harmoniza perfeitamente à curadoria de peças assinadas por nomes como os designers como Jader Almeida e Roberta Banqueri, que são mestres em expressar nossa brasilidade. O teto em vidro, aliado ao revestimento em treliça em algumas das paredes, permite uma maior interação com a paisagem ao redor, além de tornar o ambiente também um lugar de contemplação. O toque final vem da composição dos objetos decorativos, todos escolhidos de forma cuidadosa para traduzir nossas raízes e origens e promover uma reflexão sobre o conceito de “Casa Original”. Fornecedores: Galpão Design, Galpão Details, Casa 7 Revestimentos, Gruska Automação/ Elettromec, Spot Iluminação, Clean New e Tintas Coral.

UM CENÁRIO DE PAZ E CONFORTO ABSOLUTOS PARA DESFRUTAR O PRAZER DE ESTAR EM CASA.

VIVENDA DOS VENTOS por André Monte. Com o objetivo de valorizar ao máximo o bem-estar nos momentos passados em casa, o projeto concebido pelo designer André Monte teve o estilo de vida do cearense como ponto de partida da ambientação. Totalmente integrada à área externa, a varanda incorpora a luz e ventilação naturais como elementos essenciais da composição de base neutra e materiais que passeam pelo rústico e o sofisticado. A vivenda contempla vários espaços de convivência, além de um mobiliário despojado e aconchegante. Um ambiente que vai se revelando aos poucos e pensado em detalhes para proporcionar conforto e prazer aos moradores. Fornecedores: Bete Cunha Tapetes, Bete Cunha Interioes, Grusca Automação/ Elettromec, Galpão Design, Galpão Details, Multigran, Spot Iluminação, Clean New e Vetromani Concept/Vivarte.


A MESCLA DIFERENCIADA ENTRE TEXTURAS NATURAIS, TONS TERROSOS E ACABAMENTOS RÚSTICOS DEFINE A IDENTIDADE DO PROJETO QUE RETRATA A ESSÊNCIA DO SERTÃO.


BANHEIRO PÚBLICO por Pedro Athayde. O ar do sertão é trazido para o espaço por meio do mix de materiais naturais e acabamentos de pegada rústica. Do piso, cuja estética de cores vivas remete ao concreto bruto batido faz referência ao calor típico do interior, à presença marcante de tons terrosos, passando pelo tablado de madeira maciça que une o espaço interno ao externo, tudo se encaixa na proposta. No entanto, a sofisticação também ganha destaque por meio do porcelanato de aspecto amadeirado e dos espelhos de formas sinuosas. Fornecedores: Carmehil e Clean New.

COMEDORIA por Ney Filho. Criado para celebrar a chancela de Fortaleza como cidade criativa em design pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), o espaço gourmet propõe uma união entre o design e a gastronomia cearenses. Voltado à natureza, com uma estrutura simples, vazada, limpa e pura, privilegiando cores e texturas de forte apelo vernacular, o ambiente se volta plenamente ao convívio e valoriza o ato de compartilhar momentos à mesa. Fornecedores: Granos e Clean New.

SALÃO ORIGEM por Brenda Rolim. No espaço dedicado ao Sebrae Ceará na Mostra, a materialização de sonhos assume papel central na eleboração do espaço. Expostos no cenários estão exemplos de ideias que se tornaram realidade por meio do empreendedorismo local. Segmentada conceitualmente entre Sertão, Serra e Mar, o projeto contempla tradição, inovação, identidade e diversidade, além de ressaltar as experiências e a criatividade de artistas e artesãos locais, contados no “cinema” ao ar livre. Fornecedores: Sebrae, Carmehil, Clean New e Tintas Coral.

MARCADO POR MATIZES SUAVES E CLARAS, O MOOD PRAIANO REALÇA O ARTESANATO LOCAL.

LOJA CEARÁ FEITO À MÃO por Luciana Brasileiro e Marcílio Sousa. Com o predomínio de materiais atemporais e matizes claras, deixando o toque de cor mais vibrante para os produtos expostos, o projeto da dupla mesclou sofisticação à uma atmosfera acolhedora que convida o visitante apreciar sem pressa as criações da Ceart, assinadas por designers e artesãos locais. Para isso, o mood praiano ganhou ares boho chic graças a decoração despretenciosa com elementos de pegada rústica, texturas artesanais, madeira lavada. A iluminação inspirada na tonalidade da areia e das conchas e a integração ao exterior pelas peles de vidro reforça a ideia de conexão com a natureza. Em resumo, um recanto que evita todos os excessos e tira partido daquilo que é verdadeiramente essencial para o bem-estar. Fornecedores: Ceart, Fortaleza Cidade Criativa, Nereide Figueiredo, Amora Casa, Nume, Opolo Design, Raquel Dourado, Clean New, Roberto Dias e Terra Crua.

0
Total Page Visits: 814 - Today Page Visits: 5

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *