Recamier Renovado

A história do conforto e do mobiliário passam por esse móvel de linhas voluptuosas, que saiu dos quartos íntimos e chegou às salas, incluindo os consultórios de psicanálise.

Há quem diga que as moças dormiam nele para conservar o penteado e que fazia parte das salas íntimas das senhoras. Mas foram os saraus literários e outros eventos na casa de Julie Bernard, conhecida como Madame Récamier, que consagraram este móvel, inventado por volta do século 18. O recamier se distingue dos sofás e poltronas por seu encosto, que convida a uma posição semi-deitada, sem desleixo. Ele ilustra a busca do conforto em uma época e o gosto pela sociabilidade da classe burguesa em ascensão, integrando pouco a pouco os ambientes receptivos. O recamier integra uma linhagem de móveis, que inclui a chaise longue e o divã modernos, que vem ganhando destaque nos ambientes contemporâneos. No século 20 foram criadas diversas versões icônicas do móvel, como a Lounge Chair de Charles e Ray Eames, de 1956. O segredo da longevidade? A união da perfeita ergonomia ao relaxar aliada a uma estética renovada.

Recamier da Spini para Maison d’Art.
Versão Milão 2013, da Reflex.
Luxo e simplicidade na peça da Donghia.
Recamier Leblon Cromada, da Seleção ObraVip.
Recamier da Modà, com design de Di Liddo e Perego.
0
Total Page Visits: 213 - Today Page Visits: 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *