DayBed

Usado desde a idade antiga, esse móvel de shape alongado reúne características de uma cama e de um sofá, garantindo conforto, beleza e, ao mesmo tempo, economia de espaço. A seguir, contamos mais sobre sua história.

Acredita-se que as daybeds tenham surgido no Egito Antigo, embora também existam registros de povos gregos e romanos reclinando-se sobre o móvel no dia a dia. Logo o costume se espalhou por todo o mundo, ganhando popularidade principalmente pela capacidade de oferecer assentos confortáveis e relaxantes para pequenos cochilos – preferencialmente durante o dia, como o próprio nome sugere. Um fato curioso sobre a peça é que, na China, ela começou a ser usada para distinguir os convidados de honra, que ficavam elevados se comparados a quem sentava-se nos tapetes. Em seguida, o móvel ganhou espaço em casas chinesas e japonesas, dando origem a versões repletas de ornamentos, ainda como uma forma de distinção social. Atualmente, as daybeds assumem diversas variações no que diz respeito a design, preço e matéria-prima, confirmando que, além de se tratar de um item à prova do tempo, a daybed também pode ser extremamente eclética e democrática. A maioria, entretanto, conserva as laterais abertas, o que a diferencia de um sofá-cama comum e a coloca em lugar de destaque no décor.

0
Total Page Visits: 239 - Today Page Visits: 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *