Ouvidor Tecidos

A nova sede é um retorno às tradições, mas com olhar para conceitos inovadores e produtos diferenciados de alto padrão.

A Ouvidor Tecidos, que tem à frente Denise Kacem e é referência do segmento no mercado cearense, ganha um amplo espaço de 250m² de área com uma proposta inovadora em que, os tecidos expostos de maneira diferenciada, deixando o ambiente limpo e elegante. Além dos mais de 15 mil itens de tecidos, tapeçaria e papéis de parede, a loja entra no segmento de produtos de luxo para cama, mesa e banho, trazendo ao Ceará marcas mundiais consagradas, como Trousseau e Kvadrat. O empresário Alexandre Jereissati, que junto com a irmã Mariana Jereissati são a terceira geração à frente da Ouvidor, nos revela as conquistas da empresa ao longo desses 24 anos de atuação.

Revista Ambientes: O que representa a expansão da loja para a marca
Alexandre Jereissati: A nova proposta é um retorno às nossas tradições. A Ouvidor começou com meu avô, com uma loja de tecidos. Quando assumimos, mantivemos o produto mas, nos primeiros 12 anos de atividade, nosso foco estava nos móveis de design. Agora, voltamos à nossa origem dando aos tecidos a posição de destaque merecida. Fortaleza recebe um excelente espaço para que arquitetos, decoradores e clientes encontrem as melhores opções em tecidos e revestimentos.

R.A.: Quais as inovações da Ouvidor Tecidos para o segmento?
A.J.: Primeiro, trazemos uma nova forma de expor. Ao contrário de tudo o que é feito no Brasil, estamos seguindo uma tendência mundial em que as amostras de tecidos ficam guardadas, pois os mostruários não são feitos para serem decorativos. Outra inovação é o recurso de iluminação cênica, totalmente automatizada, que permite ao cliente visualizar o efeito da textura do tecido, durante a luz do dia e da noite. Em termos de produtos, além da grande variedade de que sempre dispomos, trazemos mais três marcas de renome: Trousseau, a grife de cama e banho considerada a mais sofisticada do Brasil, a inglesa Designers Guild com seu mix de estamparia e cores vibrantes e a dinamarquesa Kvadrat, grife de tecidos principalmente para estofados, indicados para atender a móveis de alto padrão.

R.V.: Como tem sido a procura do público cearense para esse tipo de artigo de luxo?
A.J.: O público tem consumido bem mais tecidos de alto padrão do que há 10 anos. E isso é uma resposta ao nosso trabalho como agentes desse mercado em oferecer produtos diferenciados pela beleza, pelo design e, principalmente, pela qualidade.

R.A.: Qual a principal conquista da Ouvidor?
A.J.: O desenvolvimento de uma marca é um processo de construção diário, na qual o grande desafio é estar sempre à frente no mercado. Por isso, afirmo que nossa maior conquista – e nosso grande patrimônio em 90 anos de existência – é o reconhecimento e a fideladeda de nossa clientela.

0
Total Page Visits: 88 - Today Page Visits: 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *